Educação Ambiental

Este Rio É Minha Rua

Em Curralinho, no Marajó, mais de 100 jovens estudantes receberam o certificado de conclusão do curso de formação de agentes ambientais do projeto, realizado com apoio do Criança Esperança. Durante quatro meses, estudantes da rede municipal participaram de aulas com temáticas como a legislação ambiental, a recuperação e conservação de recursos naturais, a pesca e assuntos relacionados à sustentabilidade. Esta é a segunda formação do gênero que o Peabiru realiza no município.

Jovem recebe certificado em formação de Agente Ambiental. Foto: Rafael Araújo

Jovens de Curralinho se tornam Agentes Ambientais pelo projeto Este Rio é Minha Escola.

“A ideia deste projeto é que a participação comunitária se fortaleça com o empoderamento dos adolescentes e jovens através dos trabalhos de educação para o desenvolvimento sustentável. Para isso, as aulas teóricas serão complementadas com atividades práticas que estimulem a reflexão e análise da realidade e contribuam para a melhoria da autoestima dos alunos”, explica Manoel Potiguar, gerente de projetos do Instituto Peabiru. Veja mais aqui.

Meu Mangue

De acordo com Hermógenes Sá, gerente do “Meu Mangue”, de forma integrada e transversal, a educação ambiental suporta as ações para a efetiva implementação sustentável das estratégias de transformação social. “Permitir aos adolescentes e jovens de Curuçá acesso a conhecimentos estratégicos sobre o ambiente em que vivem contribui para o desenvolvimento humano, sentimento de pertencimento e a melhoria da autoestima desses alunos”, explica.

Gravação de reportagem para o especial Criança Esperança, da Rede Globo

Saiba mais sobre nossos projetos com o Criança Esperança aqui.

Veja matérias relacionadas aqui.

%d blogueiros gostam disto: