Instituto Peabiru e GIZ iniciam cooperação para arranjos produtivos do açaí e da andiroba no Marajó

Projeto buscar o fortalecimento dos Arranjos Produtivos Locais do açaí no Marajó

Projeto busca o fortalecimento dos Arranjos Produtivos Locais do açaí no Marajó

O Instituto Peabiru recebeu nesta sexta-feira, 15, o cooperante Bert Smit, da Cooperação Técnica Alemã (GIZ), que irá colaborar com o Programa Viva Marajó nos próximos dois anos. A parceria tem como prioridade apoiar o projeto de fortalecimento de Arranjos Produtivos Locais (APL’s) das cadeias de valor da andiroba e açaí no Marajó, financiado pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (PNUD) e o Ministério do Meio Ambiente. O projeto busca a qualificação e capacitação em gestão de empreendimentos e boas práticas de produção com comunidades envolvidas no extrativismo da andiroba e do açaí.

Bert Smit acumula experiências como cooperante em outros países, como Moçambique, Palestina e Honduras. A partir de agora estará baseado na sede do Instituto Peabiru, em Belém. Johannes Zimpel, representante da organização alemã, destacou que a prioridade é contribuir para os Objetivos do Milênio (ODM) nos 130 países onde atua. Na Amazônia, a GIZ trabalha por meio do Programa de Florestas Tropicais. No estado do Pará está presente em 24 municípios, e envolve parcerias no setor privado e organizações da sociedade civil, entre os quais o Instituto Peabiru.

Bert e Joahanes, da cooperação alemã, participam de reunião com equipe do Instituto Peabiru

Bert e Joahanes, da cooperação alemã, participam de reunião com equipe do Instituto Peabiru

“Esta cooperação deve fortalecer ainda mais o apoio a grupos agroextrativistas em organização, capacitação e comercialização”, aponta João Meirelles Filho, diretor do Instituto Peabiru.

Nesta primeira etapa, serão 12 meses de oficinas participativas de capacitação para representantes de comunidades extrativistas e quilombolas, bem como para instituições participantes das cadeias de valor, envolvidas na execução, apoio e fomento de APL’s. Para garantir que as ações se darão com autênticos representantes locais, o Instituto Peabiru contará com a participação direta do Colegiado de Desenvolvimento Territorial do Marajó (Codetem) e do Conselho Nacional das Populações Extrativistas (CNS), entre outras organizações.

Programa Viva Marajó – O Instituto Peabiru desenvolve, desde 2010, o Programa Viva Marajó, que promove ações para a melhoria da qualidade de vida dos Marajoaras, nas áreas de desenvolvimento local (áreas protegidas e ordenamento territorial), cadeias de valor inclusivas (especialmente farinha de mandioca, andiroba e açaí) e valorização da cultura marajoara.

Entre os principais resultados estão: o fortalecimento da sociedade civil por meio do Colegiado Territorial do Marajó, em demanda a seus direitos básicos; a maior atenção do poder público e da sociedade como um todo às problemáticas do Marajó, e maior discussão sobre o impacto dos arrozeiros na região. O Programa Viva Marajó produziu uma série de documentos, entre os quais se destacam o Diagnóstico Socioeconômico, Ambiental e Cultural do Marajó, denominado “Escuta Marajó”; o primeiro Mapa Fundiário do Marajó; e apoiou o documentário em vídeo “Expedição Viva Marajó”.

, , , , , , ,

2 Comentários em “Instituto Peabiru e GIZ iniciam cooperação para arranjos produtivos do açaí e da andiroba no Marajó”

  1. Rogerio Ruschel
    fevereiro 16, 2013 às 10:32 am #

    Muito bom, parabéns para as equipes do Peabiru e Cooperação Técnica Alemã. quem sai ganhando é Marajó.

  2. Robson Costa
    abril 12, 2013 às 3:36 pm #

    Lamentavelmente a Ilha Grande de Gurupá, que compõe o complexo de ilhas do Marajó, não tenha sido contemplada nesse projeto tão importante para nossas comunidades locais.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: