Projeto “Meu Mangue, Educação e Ambiente”, forma primeiras turmas de agentes ambientais em Curuçá (PA)

Jovens das duas primeiras turmas do curso de Agentes Ambientais ano 2014.

Jovens das duas primeiras turmas do curso de Agentes Ambientais ano 2014.

Julho foi um mês especial para os mais de 50 jovens formados como agentes ambientais nas duas primeiras turmas do ano de 2014, através do projeto Meu Mangue, Educação e Ambiente. Isso porque, além da solenidade de formatura, a iniciativa recebeu uma equipe da Tv Globo para matéria que irá ao ar em agosto, durante o programa Criança Esperança.

“Concluímos a primeira etapa do curso de agentes ambientais do ano de 2014. É um trabalho que já vem sendo feito, e que busca fomentar cada vez mais a conscientização ambiental e social junto aos nossos jovens. Vamos continuar esse trabalho no segundo semestre, com mais duas turmas, sempre visando a transformação social dos moradores da região no sentido de facilitar o acesso à informação e que, através disso, eles tenham o poder de decidir por si próprios o futuro de onde vivem”, comenta Francisco Xavier, técnico do Instituto Peabiru e morador de Curuçá.

As próximas duas turmas estão previstas para iniciarem no final de agosto. O segundo semestre reserva, também, o início da capacitação para professores locais em Educação Ambiental. A ideia é que estes se tornem agentes multiplicadores de um tema discutido na região do Salgado Paraense, uma vez que as atividades realizadas através do projeto Meu Mangue, Educação e Ambiente, integram, de forma transversal, ações do programa Casa da Virada. Desde 2007, o Casa da Virada desenvolve ações de educação ambiental em Curuçá. Neste período, o curso de Agentes Ambientais já formou mais de 400 alunos e 120 professores.

Gravação de reportagem para o especial Criança Esperança, da Rede Globo

Gravação de reportagem para o especial Criança Esperança, da Rede Globo

E as transformações proporcionadas pela iniciativa serão mostradas durante uma ampla reportagem de 2 minutos, que irá ao ar no mês de agosto, durante o especial “Criança Esperança”, da Rede Globo. Uma equipe da emissora acompanhou por um dia as atividades realizadas pelos jovens em Curuçá e colheu depoimentos de pais e alunos sobre os aprendizados que tiveram ao participar do curso de Agentes Ambientais.

Com o apoio do Criança Esperança, o Meu Mangue, Educação e Ambiente é realizado no município de Curuçá pelo Instituto Peabiru, uma das 103 instituições selecionadas pela Rede Globo e a UNESCO para desenvolver ações para crianças, adolescentes e jovens em 74 cidades e 26 estados do país. O projeto está na categoria “Educação para o desenvolvimento sustentável e preservação do meio ambiente” do Criança Esperança.

, , , , , , , ,

One Comment em “Projeto “Meu Mangue, Educação e Ambiente”, forma primeiras turmas de agentes ambientais em Curuçá (PA)”

  1. Vingren de Farias Ferreira
    19 de fevereiro de 2015 às 18:45 #

    Uma ação inovadora e louvável para a sustentabilidade de nossas áreas de mangue, pois são locais de reprodução de diversas especies assim como estuário natural da natureza que deve ser sem sombra de duvidas preservados para as gerações futuras, gostaria de conhecer essa importante iniciativa e quem sabe poder participar.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: