Adolescentes da Amazônia Legal se reúnem em Belém e reafirmam rede pelos direitos de crianças e adolescentes na Região

Voltar para suas cidades e fazer diferença na mobilização de crianças, adolescentes e jovens nas escolas, espaços públicos e junto aos articuladores, conselheiros e gestores envolvidos no Selo UNICEF Município Aprovado 2013-2016. Essa é uma das tarefas dos cerca de 35 adolescentes que participaram do III Encontro de Adolescentes da Amazônia Legal, realizado este final de semana em Belém. Foram dois dias de muitas discussões e, ao final, os adolescentes opinaram que precisam se envolver em programas e políticas já existentes nos municípios para garantir direitos com diversidade de gênero, sexual, racial e étnica. Outro tema que deve ser tratado como prioridade é tornar a escola um local interessante não apenas para quem já estuda, mas, principalmente para quem está fora da sala de aula.  “A galera que está na escola é importante, mas a gente não pode esquecer que tem um monte de adolescente que não estuda, que tem que trabalhar para levar dinheiro em casa. Esses são nosso foco principal”, disse Jhon Alberte, de Belém (PA).

Confira a matéria completa no site do Selo UNICEF Município Aprovado, no endereço www.seloamazonia.org.br ou clicando aqui.

Veja também outros destaques do site:

Em Manaus (AM), Estados e países amazônicos se unem pela infância

Em Pedreiras (MA), bate-papo com adolescentes orienta o uso da internet para garantir direitos

Municípios seguem firmes na realização do Fórum Comunitário

, , , , , ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: