Proposta para comercializar mel de abelhas nativas ganha prêmio internacional

Ao propor uma loja virtual para comercializar o mel de abelhas nativas da Amazônia – Néctar da Amazônia –, o Instituto Peabiru vence o concurso Innonatives. O prêmio é uma parceria de ONG alemã Econcept (Agency for Sustainable Design) e a Fundação Grupo Boticário, com o tema – Biodiversidade, conservação e negócios – é possível conciliar estas questões? Vamos descobrir isto juntos (Biodiversity conservation and business – is that possible? Let’s find out together!)
Confira a proposta em inglês aqui:
http://us7.campaign-archive1.com/?u=da6e90098ad00e88a0afadc36&id=685f2245b1

O prêmio de 2 mil euros (cerca de R$ 6,6 mil reais) será aplicado no desenvolvimento de uma loja virtual piloto. A proposta é comercializar tanto o mel de comunidades da Amazônia, como outros produtos da agricultura familiar e povos e comunidades tradicionais. Importante lembrar que o Instituto Peabiru desenvolve o Projeto Néctar da Amazônia, financiado pelo BNDES /Fundo Amazônia – saiba mais aqui:

https://peabiru.org.br/nectardaamazonia/

Embalagem protótipo para o mel de abelhas silvestres

, ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: