Cafezinho no Museu Goeldi com arte e cultura traz programação especial no Dia das Mães

Neste domingo, venha participar do especial Dia das Mães no Museu, onde mães e filhos poderão se encontrar (pais, tios e avós também!) com a encantadora artista Zezé Caxiado, às 10h, com o espetáculo de contação de histórias “Era Uma Vez…OK?”, no Espaço Museu Goeldi, Café, Livraria e Artesanato.

“Contar história, todo mundo conta, mas o contador traz a magia, o coração, de forma diferenciada. Tem que vir primeiramente do coração”, ensina a atriz e contadora de histórias Zezé Caxiado, que atua há quase 30 anos direcionando sua arte para crianças e adolescentes. Foi o encanto de presenciar a descoberta das narrativas que a tornou uma contadora. Ela começou na frente de casa, contando pequenas historinhas para os vizinhos, e depois se aprimorou na arte com técnicas de teatro e experimentando maneiras de apresentar um mundo aberto à imaginação. Zezé é uma sensibilizadora da arte de contar histórias.

“Vi que as crianças se encantavam. Era gostoso e animador proporcionar um clima de magia e, quando contava e começava ‘Era uma vez’, via os olhinhos brilharem”.

Trabalhando vozes, entonações e sons, Zezé traz encantamento ao público, onde por meio da história, é possível falar sobre quem você é, de nossa cultura e de culturas estrangeiras, de assuntos leves e temas polêmicos, levando pela narrativa o conhecimento a quem está vendo e ouvindo.

O programa ProGoeldi, que vem atuando em nome da sociedade civil na busca de recursos e melhorias para o Museu Goeldi, conseguiu somar esforços de empreendedores paraenses na viabilização de um novo espaço dentro de suas instalações, na Av. Magalhães Barata: o Espaço Museu Goeldi, que une café, loja e livraria. O Espaço promete dar a Belém mais uma oportunidade para a educação, cultura e lazer, pois lá acontecerão shows, lançamentos, recitais, narração de histórias, saraus e atividades variadas para os visitantes de todas as idades. Um novo espaço para as artes, ciências e conhecimento que se apropria da cidade.

Numa simpática construção de 1902, que abrigava o Laboratório Fotográfico do Museu onde trabalhou o fotógrafo, desenhista e litógrafo alemão Ernst Lohse, agora estão instaladas, para os cidadãos paraenses e visitantes do Parque, a loja Samaúma Artesanato da Amazônia, que combina produtos artesanais, estamparias, joias e publicações de pesquisadores e cientistas; e a MeGusta Creamery, uma sorveteria/café que se tornou sensação em Belém pela qualidade e criatividade de seus serviços e guloseimas.

O evento é gratuito para os visitantes do Parque e conta com o apoio do Banco da Amazônia.


O Instituto Peabiru é uma Organização da Sociedade Civil de Interesse Público (OSCIP), com 19 anos de atividade, sede em Belém do Pará, com a missão de facilitar processos de fortalecimento da organização social e da valorização da sociobiodiversidade, especialmente para que as populações extrativistas e os agricultores familiares da Amazônia sejam protagonistas de sua realidade. Atua no Pará, Amapá, Maranhão e Bahia.

 

, , , ,

Nenhum comentário ainda.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

w

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: